sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

Postagem nº 100

Hoje eu quero sair só - Lenine


Se você quer me seguir, Não é seguro
Você não quer me trancar, num quarto escuro
Às vezes parece até, Que a gente deu um nó
Hoje eu quero sair só

Você não vai me acertar, À queima-roupa
Vem cá, me deixa fugir, me beija a boca
Às vezes parece até que a gente deu um nó
Hoje eu quero sair só
Não demora eu tô de volta...

Vai ver se eu tô lá na esquina, devo estar...
Já deu minha hora e eu não posso ficar...
A lua me chama, Eu tenho que ir pra rua...
A lua me chama, Eu tenho que ir pra rua

Hoje eu quero sair só
Hoje eu quero sair só
Hoje eu quero sair só

Você não vai me acertar, À queima-roupa
Vem cá, me deixa fugir, me beija a boca
Às vezes parece até que a gente deu um nó
Hoje eu quero sair só
Não demora eu tô de volta...

Vai ver se eu tô lá na esquina, devo estar...
A lua me chama, Eu tenho que ir pra rua...
A lua me chama, Eu tenho que ir pra rua...

Vai ver se eu tô lá na esquina, devo estar...
Já deu minha hora e eu não posso ficar...
A lua me chama, Eu tenho que ir pra rua...
A lua me chama, chama

Hoje eu quero sair só
Hoje eu quero sair só
Hoje eu quero sair só
Hoje eu quero sair só


A lua me chama, Eu tenho que ir pra rua...
A lua me chama, Eu tenho que ir pra rua...
Hoje eu quero sair só
Hoje eu quero sair só
Hoje eu quero sair só
Hoje eu quero sair só

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Viver sem olhar para tras, apenas seguir!

"Não exijas dos outros qualidades que ainda não possuem." [ Chico Xavier ]


Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim. [ Chico Xavier ]

Plante amor e paz e a vida lhe trará colheita de paz e amor. [ Chico Xavier ]

terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

Levanta, sacode, balança...se deixa levar



Nenhuma lágrima mais, nenhuma!
Hoje no lugar do choro, eu trago sabedoria e uma vontade de viver intensamente e com muita felicidade!

domingo, 21 de fevereiro de 2010

!Brilha onde estiver...




...Faz da lágrima o sangue que nos deixa de pé"

Passeando pelas páginas do Aurélio...

...encontrei o significado das seguintes palavras:

Hipocrisía
s.f. Vício que consiste em aparentar uma virtude, um sentimento que não se tem. / Fingimento, falsidade.


Honestidade
s.f. Qualidade do que é honesto, conforme à honra e à probidade: ser de uma honestidade a toda prova. / Decoro, decência, probidade.


Egoísmo
s.m. Sentimento ou maneira de ser dos indivíduos que só se preocupam com o interesse próprio, com o que lhes diz respeito.



Caráter
s.m. Conjunto de qualidades (boas ou más) que distinguem (uma pessoa, um povo); traço distintivo: o caráter do povo brasileiro. / Gênio, índole, humor, temperamento. / Formação moral, honestidade: homem de caráter. /



Respeito
s.m. Ato ou ação de respeitar. / Sentimento que leva a tratar alguém ou alguma coisa com grande atenção, profunda deferência; consideração, reverência: respeito filial.



Amor

s.m. Afeição viva por alguém ou por alguma coisa: o amor a Deus, ao próximo, à pátria, à liberdade. / Sentimento apaixonado por pessoa do outro sexo: as mulheres inspiram amor. / Inclinação ditada pelas leis da natureza: amor materno, filial. / Paixão, gosto vivo por alguma coisa: amor das artes. / Pessoa amada: coragem, meu amor! / Zelo, dedicação: trabalhar com amor. // Amor platônico, amor isento de desejo sexual. // Por amor de, por causa de. // Pelo amor de Deus, expressão que dá ênfase a um pedido: não faça isso, pelo amor de Deus!



Sentimento

s.m. Ato ou efeito de sentir. / Aptidão para sentir; sensibilidade. / Sensação íntima, afeto: os sentimentos de um pai. / Conhecimento imediato; intuição: tem o sentimento de seu valor. / Dor, mágoa, desgosto. / &151; S.m.pl. Qualidades ou tendências morais: estar animado de bons sentimentos. / Pêsames: aceite meus sentimentos.

Consideração
s.f. Exame atento, reflexão: isto merece consideração. / Respeito, estima, valimento, importância que se dá a alguém. / Razões, arrazoado, exposição fundamentada. / Levar em consideração, levar em conta, dar importância.


Dor

s.f. Sofrimento físico ou moral; aflição; mágoa; dó.


Erro
s.m. Opinião, julgamento contrário à verdade: cometer erro. / Falsa doutrina; opinião falsa: o erro dos heresiarcas. / Engano, equívoco: erro de cálculo. / Imperícia: foi um erro essa intervenção. / Metrologia Diferença entre o valor exato de uma grandeza e o valor dado por uma medição. / &151; S.m.pl. Desregramentos, desvarios no proceder: erros da juventude.

Perdão
s.m. Remição de uma falta ou ofensa. / Fórmula de polidez empregada quando se perturba alguém: (peço) perdão!


Assumir

v.t. Encarregar-se de: assumir um pesado encargo. / Aceitar, tomar para si: assumir toda a responsabilidade.











Bem, assim como eu, tem muita gente que precisa aprender o significado de todas e mais algumas palavras, porque quando a gente menos espera elas cortam a garganta da gente e nos dão tiros nos pés.

OBS: Mas sabe, quem sabe assim seja melhor!

Reflexão sobre a vida usando a filosofia Teatro Mágico!

"Os opostos se distraem, os dispostos se atraem"

"Não há de ser nada pois sei que a madrugada acaba, quando a lua se põe...A estrela que eu escolhi não cumpriu com meu pedido e hoje não a encontrei,Pois caiu no mar, e se apagou Se souber nadar, faça-me o favor"

"O fim é belo e incerto, depende de como você vê"

"Viva à tua maneira não perca a estribeira, saiba do teu valor"

"Se lembrar não é celebrar, dura-lhe a dor quando aflora, esquecer não é perdoar,se consagrou, sangra agora"

"Se hoje abaçaiado canta é porque ontem já chorou"

"Mas assim como veio acabou, e quando penso em você, choro café e você chora leite"

"Onde já se viu o mar apaixonado por uma menina?
Quem já conseguiu dominar o amor?
Por que é que o mar não se apaixona por uma lagoa?
Porque a gente nunca sabe de quem vai gostar"

"EU NÂO VOU LEVAR RANCORES, dos nossos amores as cores EU NÃO VOU PINTAR"

"Descobrir o verdadeiro sentido das coisas, é querer saber demais, querer saber demais"

"Não acomodar com o que incomoda"

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Dúvidas, decisões...aiaiai


E um mundo se abre à sua frente, um mundo nem tão colorido assim, como nos contos de fadas e histórinhas em quadrinho que você lía e vía quando era pequena. O mundo é bem mais sem cor e sem flores, mais difícil e cruel. A hoje mulher nas decisões ainda é uma garotinha nas dúvidas.

O Que Se Perde Enquanto Os Olhos Piscam - O Teatro Mágico

object width="425" height="344">


Pronde vai?
Toda tampa de caneta?
todo recibo de estacionamento?
todo documento original?
Isqueiro, caderneta,
a camiseta com aquele sinal...
Pronde vai... toda palheta?
Pronde foi... todo nosso carnaval?

Pronde vai?
Todo abridor de lata?
Toda carteira de habilitação?
Recado não dado, centavo, cadeado?
Todo guarda-chuva!
Pra fuga pro temporal!
Pronde vai... o achado, o perdido?
eu não sei, veja bem...
não me leve a mal...

Pronde vai?
todo outro pé de meia,
carteira, brinco e aparelho dental?
pronde vai... toda diadema?
recibo, receita e o nosso enredo inicial?

Pronde vai?
toalha de acampamento,
presilha, grampo, batom de cacau
elástico de cabelo
lápis, óculos, clips, lente de contato?
a nossa má memória!
a denúncia no jornal?
pronde vai... aliança, chaveiro, chave, chinelo?
e o controle pra trocar canal

Pronde vai?
O solo que não foi escrito?
Labareda nesse labirinto,
o instinto, o reflexo, sem seguro
O coro do Socorro! O lançamento oficial!
Pronde vai... a culpa da cópia?
Pronde foi... a versão original!?

Pronde vai?
a bala que se disparô?
o indício da gripe que disseminou
a culpa no porco no bicho animal?
a firmação do pulso! O discurso radical!
o troco em moeda... a lição da queda
Pronde foi... nosso humor e moral?
Pronde vai? todo nosso desalento
toda brisa vem de um vendaval
pronde vai a reza cortada por sono
ela vale? Me fale... me de um sinal!

São longuinho
Me fale me de um sinal!

Pra onde foi?
O canhoto, benjamim de tomada
Passaporte, n. de telefone, certidão,
registro com foto, simpleza, prudência, clareza... consideração!
Autenticidade, compaixão, certeza...
a urgência, o acaso e a ocasião,
a postura, o primeiro nome, o amuleto, a muleta,
a raiva, a régua, a borracha, o erro, a rasura, a razão
Carregador de bateria, euforia, a perda, a pendência, o pudor o perdão!
extrato, a ponta, a conta nova, a cola da prova e a extensão,
o estímulo, exemplo,, a voz dissonante...
A coragem do meu coração!

São Longuinho, São Longuinho

Me fale me dê um sinal!
São Longuinho, São Longuinho
Pra onde foi?
A coragem do meu coração!

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

Bééééé.lla





domingo, 7 de fevereiro de 2010

Dona Maria Luiza!

Amiga, confidente, maligna e irmã. Melhor coisa ter te conhecido dona Maria Luiza Galvão do Amaral PINTO Barciela.TE AMO porque quando estamos juntas...haaa...Malubelê total.
Obrigada por tudo, e 15 de maio É NÓISSS!!!